Blog

Adestramento para nós é …

O que pensamos que em realidade sobre adestramento, diferentemente do que muitos vendem, é que adestramento não pode em hipótese alguma se restringir a mero treinamento de truques, que de maneira positiva, qualquer criança que convive com cães é capaz de fazer, o básico. (Meus filhos ensinam truques com reforços positivos desde os dez ou doze anos de idade). O que de verdade buscamos é a total interação humano cão.

Aproveito, para aconselhar qualquer pessoa que busque apenas treinamento de truques básicos, a comprar um livro ilustrado e aplicar as técnicas com seu cão. Essa é uma grande forma de interagir com seu amigo, e vai fazer o vínculo entre vocês muito mais forte e divertido. Caso tenha alguma dúvida durante o treinamento, ou sobre que livro comprar, entre em contato conosco que vamos orientá los. O básico é bem simples e divertido.

Como você já deve ter percebido, temos em nossa família diversos Golden English Cream, que trouxemos da Europa, esses cães espetaculares  convivem com o restante da família de forma totalmente harmoniosa, respeitosa, (respeitosa no sentido que eles são bastante educados, respeitam e entendem o espaço humano), conseguem nos lêr perfeitamente  (entendem exatamente quem somos, como somos , nossas peculiaridades e personalidades), se comportam com personalidade própria , interagindo com cada membro da família de forma diferente entendendo e se fazendo entender, sabem que são cães e que nós somos humanos, buscam sempre interagir como tal nos completando, tentando nos ajudar, adoram trabalhar e aprender coisas novas.

Instintivamente a ligação humano animal e bastante enraizada, o que estamos tentando é ir além, buscar a conexão mais perfeita entre humano e cão, buscar a comunicação instintiva, lêr o comportamento e permitir que os cães nos leiam de forma sincera, algumas vezes percebo que agi de forma equivocada, ou percebo que estou me estressando,  apenas olhando para os cães e percebendo sua comunicação.  Conseguir fazer de um cão um membro da família participativo, cooperativo, companheiro, comunicativo…. E o que buscamos. Convivemos em nossa casa com mais de dez Goldens, que tem acesso a toda a casa, entram, saem, ficam com um, depois com outro, vivem em perfeita harmonia conosco, totalmente, absolutamente socializados, fazem parte do nosso dia a dia, respeitam um ao outro totalmente, e nos respeitam também, nos compreendem individualmente perfeitamente, conseguem prever nosso comportamento, enfim ….

E nós… O que fazemos para que isso aconteça…. Saber respeitar o cão, e fazer aflorar muitas de suas capacidades, requer bastante respeito, deixando o cão tomar suas decisões e os orientando de forma positiva. Quando o cão percebe que conseguimos nos comunicar de forma efetiva e principalmente entendem que os respeitamos, conhecemos sua personalidade, e queremos que ele seja ele mesmo, um cão com personalidade, que sabe tomar as decisões adequadas, e não tem problema algum comportamental pois desde pequeno foi criado para isso, para ter problema comportamental zero. Veja, esse ponto gostaria de deixar claro, problema comportamental zero, não significa que sejam humanos, até porque os humanos dificilmente conseguiriam alcançar essa nota, comportamento perfeito como cão, com seu instinto canino, suas potencialidades e limitações.

Para alcançar um estado avançado de interação, nós e nossos cães precisamos interagir 24h, sempre deixamos claro para eles: que fazem parte da família, e como qualquer outro membro dessa enorme família precisam saber respeitar e interagir positivamente. Não faço questão de entrar na frente, ou estar na frente quando passeamos por aí, não puxar na coleira é o que não deixo, na realidade eles não puxam porque entendem que eu não gosto. Gente, é tão difícil perceber que os cães na realidade querem sempre nos agradar? Se você for um bom dono, ele será um ótimo cão. O grande problema disso é que as pessoas não entendem direito o que é ser um bom dono para o cão, esse é o ponto responsável por quase a totalidade do mau comportamento canino. Muito mais do que treinar os cães, precisamos treinar os donos. Tentar transformar um cão em humano é o problema mais comum, nossa função e em última análise, fazer com que os cães evoluam, como cães.

A comunicação com cães é cheia de sutilezas, saber se comunicar corretamente, de forma clara, entender e ser entendido, absorver a linguagem canina de tal forma que ela funcione como uma segunda língua, (para os que estão pensando que a comunicação com cão é falar com ele, sinto desapontá-los), a comunicação é leitura de comportamento, de micro expressões, dos gestos, da entonação, do sentimento, do olhar e também de algumas palavras ou pequenas frases.

Adestramento não é ensinar cães a fazer truques para o nosso divertimento ou transformar los à nossa vontade; se trata de aprimorar a comunicação entre as espécies  garantindo bons resultados para todos. E é uma ótima maneira de reforçar o vínculo de humanos e animais e a relação especial que temos com os cães.

A ligação  humano-animal vem com responsabilidade humana, em grande parte por causa do poder que detemos na relação. Devemos prosseguir usando as melhores práticas em todas as nossas interações com nossos amigos animais. Buscando a evolução da espécie canina , nossa companheira a milhares  de anos.